Sustentabilidade na automação

As soluções de automação permitem uma produção mais rápida, flexível e rentável, mas também consomem muita energia. Tanto para gerar ar comprimido em sistemas pneumáticos, como para operar componentes elétricos. Nós assistimo-lo a tornar a sua automação o mais eficientemente energética e neutra de CO₂ possível. Por ex., com os módulos de eficiência energética MSE6 ou os nossos Energy Saving Services, certificados pelo Painel de Controlo Técnico Alemão (TÜV). Existe inclusive a possibilidade de poupar até 60%. Tome a decisão correta, tanto para a sua empresa como para o meio ambiente. Iremos mostrar-lhe como fazer isso.

Sustentabilidade multiplicada por quatro

A Festo promove há décadas o tema da eficiência energética em todas as áreas; na própria empresa, através de projetos de investigação, em entidades intersectoriais e com uma oferta de soluções voltadas para a sustentabilidade.

Para obter mais sustentabilidade na automação, auxiliámo-lo em quatro áreas principais: os nossos Produtos e soluções têm maior impacto no equilíbrio da energia e na proteção do clima. A nossa gama de produtos é sustentável na produção, operação e no final da sua vida útil longa. Com Engenharia nas instalações energeticamente eficientes, auxiliámo-lo através de ferramentas digitais. Com os nossos Serviços aproveitará o potencial de poupança no seu sistema de ar compromido e a nossa Formação e aperfeiçoamento oferece aos seus profissionais, atuais e futuros, os conhecimentos necessários de que precisam para atuar de forma sustentável. Melhore a sua eficiência energética e produtividade connosco. Somos o seu parceiro em direção à produção isenta de CO2.

Produtos para sustentabilidade

Módulo de eficiência energética

Módulo de eficiência energética MSE6-C2M

Controle, comutação, medição: controle total por meio da alimentação de ar comprimido! A MSE6-C2M monitora o consumo, bloqueia o ar comprimido em períodos não produtivos e garante suavidade no reacionamento, uma vez que a pressão nunca cai abaixo de um nível definido.

Módulo de eficiência energética

Módulo de eficiência energética MSE6-E2M

O MSE6-E2M monitora, de forma constante, o consumo de ar comprimido, bloqueia o ar comprimido em períodos sem produção após um tempo de espera definido e reduz a pressão do sistema a 0 bar. Por meio de Fieldbus, é possível conectar diretamente a PROFIBUS, PROFINET, EtherCAT ou Ethernet/IP.

Módulo de eficiência energética

Módulo de eficiência energética MSE6-D2M

Economia de energia em sistemas de ar comprimido: a MSE6-D2M automatiza para você! Ela monitora o consumo, bloqueia o ar comprimido em períodos não produtivos e reduz a pressão a 0 bar. Para uma segunda linha, ela pode ser conectada à nova MSE6-C2M ou a um terminal CPX.

Sensor de fluxo

Sensor de fluxo SFAM

O seu consumo de ar comprimido sempre visível: SFAM informa sobre o fluxo e o consumo de ar, tanto quando é instalado como dispositivo independente, como quando é combinado com uma unidade de manutenção da série MS. Frequentemente, o consumo excessivo de ar indica uma poupança potencial.

Placa de regulagem para MPA-S

Placa de regulagem para MPA-S

Poupe até 22% de energia: com a placa de controlo de pressão (encadeamento vertical) controle a pressão de trabalho de cada cilindro diretamente no terminal de válvulas. Verifique para quais tarefas de automação pode diminuir o nível de pressão.

Motion Terminal

Motion Terminal VTEM

Pneumática digitalizada: O Festo Motion Terminal regula o consumo de acordo com a aplicação por meio de aplicativos. E as válvulas piezo reduzem a necessidade de energia do controle de piloto em até 70 %.

Atuador linear métrico

Atuador linear métrico DGO

Elimine perdas por fugas: o acionamento linear possui uma transmissão de potência magnética sem conexão mecânica. Como resultado, o espaço do cilindro é estanque ao rotor externo.

Atuador linear

Atuador linear DGC

Reduza sistematicamente o consumo de ar comprimido: a fita vedante patenteada do sistema de vedação do atuador sem haste praticamente não tem fugas. Esta vantagem é particularmente perceptível em cursos longos.

Gerador de vácuo

Gerador de vácuo OVEM

Menor consumo de energia até 60%: o gerador a vácuo inteligente OVEM garante a paragem segura e evita o consumo permanente de ar graças a um circuito de poupança de ar. Monitoriza a pressão do vácuo e só cria vácuo quando necessário.

Eng. na eficiência energética

As suas aplicações funcionarão da forma mais eficiente quando estiverem precisamente adaptadas aos seus requisitos individuais. Com a seleção da tecnologia correta e o dimensionamento ótimo dos componentes, você criará a base para alcançar uma poupança energética sustentável. Use as nossas inúmeras ferramentas de engenharia que facilitam o seu trabalho.

Pneumática ou eletricidade: qual é mais eficiente?

A sustentabilidade na automação começa com a definição de cada sistema. Com a decisão pela tecnologia de acionamento adequada, poderá adotar a estratégia mais eficiente energeticamente para toda a vida útil do sistema. Basicamente, critérios como a dinâmica, a força, a controlabilidade, a rigidez da carga e, claro, a poupança têm uma enorme influência na seleção. Em muitos casos, a combinação entre ambas as tecnologias pode ser a solução ideal.

Sistema de manipulação energeticamente eficiente

Eletricidade: eficiência energética com movimentos dinâmicos
A técnica de automação elétrica oferece soluções energeticamente eficientes para movimentos lineares ou rotativos muito dinâmicos de vários eixos em configurações flexíveis, permitindo aplicar forças grandes com grande precisão.

Pneumática: retenção, fixação e tensão energeticamente eficientes
Esta tecnologia, económica e de baixa manutenção, permite realizar movimentos energeticamente eficientes entre duas posições finais como, p. ex., reter, tensionar, prender e pressionar. A pneumática é uma tecnologia simples e robusta que pode ser encontrada em quase todos os setores da tecnologia de automação.

Servopneumática: eficiência energética com grandes cargas
Se tem de controlar a posição de massas maiores, de 15 a 300 kg, a servopneumática oferece uma solução energeticamente eficiente e de preço atrativo. Estes conjuntos de acionamento destacam-se pela rapidez no momento de passar do controlo da posição para o controlo da força, bem como pelo comportamento suave do arranque até à posição.

Ajuda na seleção da tecnologia no Automation Guide (PDF)

Ou leia o nosso livro branco "Pneumática ou eletricidade (PDF)"

Que valores de CO2 e de custo total de propriedade TCO tem a sua aplicação?

CO2 TCO Tool da Festo

Antes de selecionar uma tecnologia para o seu sistema, deve conhecer o consumo de CO2 na fase de funcionamento e qual o custo total de propriedade (Total Cost of Ownership TCO) que deve esperar no futuro.

Com a nossa ferramenta CO2 & TCO Guide poderá comparar os atuadores elétricos e pneumáticos do nosso catálogo de produtos. A ferramenta mostra claramente o consumo de energia, as emissões de CO2, os custos de aquisição e o custo total de propriedade e, por isso, é-lhe oferecida uma valiosa ajuda para a tomada de decisões baseada nos fatores mais importantes.

Iniciar a ferramenta CO2 & TCO Guide

Encontre o produto adequado de forma rápida e fácil

Engenharia no portátil

A engenharia inteligente foca-se no dimensionamento perfeitamente adaptado e na seleção do sistema de controlo ideal.

As nossas Engineering Tools digitais facilitam a construção dos seus sistemas de forma energeticamente eficiente. Com o dimensionamento em função das necessidades dos atuadores pneumáticos é possível, p. ex., poupar até 40% no consumo de ar de uma aplicação. As diretrizes de avaliação, as calculadoras de custos e o software de simulação irão auxiliá-lo a tomar as decisões corretas desde o início e a otimizar os sistemas para as suas aplicações específicas.

Ir para a visão geral das Engineering Tools

Sustentabilidade na formação e aperfeiçoamento profissional

A eficiência energética e a sustentabilidade começam na mente dos seus colaboradores. A Festo Didactic é o especialista líder mundial na área da formação técnica. Transmitimos aos profissionais atuais e futuros os conhecimentos e as competências necessárias para que saibam qual é a poupança potencial e a utilizem no trabalho, desde a construção dos seus sistemas até ao funcionamento diário.

Principais dicas para obter mais eficiência energética

Existem muitos pontos de partida para aumentar significativamente a eficiência energética e, também, a sua produtividade. Partindo da planificação integral de novos sistemas até à aplicação de medidas simples durante o funcionamento. Com as seguintes dicas para poupar energia nas soluções de automação pneumáticas e elétricas, poderá aproximar-se bastante do objetivo de conseguir uma produção com zero emissão de CO2, e estar muito mais perto de uma produção neutra.

Seleção dos componentes adequados

ícone Seleção dos componentes adequados

As medidas de eficiência energética começam na planificação. Refletir sobre a seleção do tipo de atuador adequado para a aplicação é decisivo. Os cilindros de ação simples ou o curso de retorno com pressão reduzida podem reduzir significativamente o consumo de ar comprimido. Use placas de controlo de pressão e controladores de pressão. Para tempos de inatividade prolongados recomendamos, por exemplo, os servomotores/motores passo a passo com freios de imobilização.

As Engineering Tools da Festo ajudam-no a selecionar o produto adequado para a sua aplicação.

Dimensionamento de acordo com as necessidades

Ícone Dimensionamento de acordo com as necessidades

O consumo de energia depende muito da construção dos atuadores: principalmente, é importante evitar o sobredimensionamento dos atuadores. Quanto menor for o atuador, mais energeticamente eficiente ele é.

  • Assegure-se de que elabora corretamente os fatores de segurança e de que move pouca massa. Assim, é possível poupar até 40% do consumo de ar numa aplicação empregando atuadores pneumáticos.
    Um exemplo: com o cilindro normalizado DSBCa redução do tamanho 40 para 32 permite poupar energia em aproximadamente 35%.
  • Se projetar a haste de produção com um único elemento, poderá dimensioná-la de forma ótima evitando o acúmulo de fatores de segurança. As Engineering Tools da Festo irão ajudá-lo na tarefa. Estas ferramentas consistem em computadores práticos, software de simulação e ferramentas de configuração como, por exemplo, a ferramenta de construção e simulação Electric Motion Sizing, o Solution Finder Simplified Motion Seriesou também o nosso Simplified Motion Series.

Poupar peso de forma específica

Ícone Poupar peso

Mover peso requer energia. Por isso, tente que a massa a deslocar seja a menor possível, p. ex., mediante o dimensionamento correto, a combinação de componentes e a seleção de produtos leves.

  • Se a carga útil e o tempo de ciclo da sua aplicação o permitirem, pode utilizar um sistema de manipulação elétrico tecnologicamente combinado com um eixo Z pneumático leve.
  • As pinças pneumáticas são mais leves do que as pinças elétricas. Isto permite poupar peso e energia em aplicações móveis.
  • Utilizar produtos leves não reduz apenas o consumo de energia. Uma vez que a sua produção requer menos material, a pegada de CO2também é inferior.

Minimizar o atrito

Ícone Minimizar o atrito

Quanto menor o atrito, menores são as perdas de energia e maior é a vida útil. Para que o funcionamento seja sustentável, aposte mais em componentes de baixo atrito.

  • As nossas mini-calhas pneumáticas DGSL ou DGST movem-se com grande precisão e com atrito mínimo.
  • Para reduzir as perdas por atrito, deve executar a manutenção dos atuadores e dos eixos elétricos regularmente.
  • Verifique sempre se é necessário utilizar um redutor ou se pode dispensá-lo.

Recuperação de energia

Ícone Recuperação de energia

Em muitas aplicações, os atuadores elétricos não são utilizados apenas para acelerar massas, mas também para voltar a travá-las ativamente. Ao atender determinados requisitos, é possível aproveitar esta energia de travagem para poupar energia elétrica, p. ex., com um acoplamento de circuito intermédio.

Em aplicações nas quais coincidem as fases de aceleração e desaceleração de diferentes atuadores, pode acoplar os circuitos intermédios dos controladores e armazenar neles a energia de travagem. Para isso, o controlador do motor CMMP-AS irá ajudá-lo.

Desligar a energia sempre que possível

Ícone Desligar a energia

Alguns ciclos de trabalho permitem reter temporariamente o fornecimento de energia para um consumo de energia nulo e sem fugas.

  • Desligue o fornecimento de ar sempre que possível, por ex., quando para a máquina ao finalizar os turnos ou nas pausas. Isto funciona automaticamente com o nosso módulo de eficiência energética da gama MSE6.
  • Para evitar o funcionamento a vácuo improdutivo, o sistema completo ou os diferentes grupos individuais deverão ser desligados sempre que possível. Assegure-se de que usa uma sequência segura para desligar e arrancar.

Controlo e regulação eficientes

Ícone Controlo eficiente

Na técnica de automação elétrica, os ajustes de controlo ótimo com rampas de arranque planas reduzem o consumo de energia e minimizam as vibrações.

  • Com o nosso software de configuração e arranque Festo Configuration Tool FCTpoderá definir o bom comportamento de controlo com poucas vibrações e intervenções do controlador nos sistemas de eixo. Para isso, contribui a montagem rígida do eixo e o motor.
  • A pneumática digitalizada com o Motion Terminal VTEMoferece várias Motion Apps para controlar os componentes de atuadores pneumáticos conectados com a maior eficiência energética possível.

Gerar pressão a vácuo conforme necessário

Ícone Uso do circuito de poupança de ar

Para sustentar uma peça a vácuo em segurança, o nível de vácuo constante não é necessariamente indispensável. Especialmente, tratando-se de superfícies lisas e materiais não porosos, é possível evitar o consumo de ar constante através de um circuito de poupança de ar. O objetivo é: gerar vácuo apenas quando necessário.

O gerador a vácuo OVEM e o gerador a vácuo VADMI com controlo inteligente do vácuo só geram a pressão a vácuo quando é necessária e podem desligá-la automaticamente. A poupança pode alcançar cerca de 60% da quantidade de ar comprimido necessária anteriormente.

Reduzir o nível de pressão

Ícone Reduzir o nível de pressão

Existem várias maneiras de reduzir o nível de pressão e, por isso, também os custos de energia.

  • Um nível de pressão desnecessariamente alto em toda a rede custa muita energia. A poupança energética até 10% pode ser alcançada ao reduzir a pressão do sistema em 1 bar.
  • Algumas máquinas precisam de uma pressão mínima constante. Se algumas aplicações requerem pontualmente um nível de pressão mais alto, com o amplificador de pressão DPApoderá fazê-lo de forma descentralizada em vez de aumentar a pressão em toda a rede de alimentação.
  • Se uma aplicação necessita de toda a força apenas numa direção de movimento ou se o atuador pode geralmente ser operado com uma pressão mais baixa, a pressão para o curso de retorno pode ser facilmente reduzida pela metade. Isto é particularmente fácil de implementar com terminais de válvula com encadeamento na vertical ou placa de regulação. Com esta solução é possível reduzir o consumo de ar em mais de 20%. Para isso, use as nossas placas de regulação VMPA1e VABF.

Redução das perdas de pressão

Ícone Redução das perdas de pressão

A preparação correta do ar comprimido não só aumenta a vida útil dos componentes e sistemas, como também a produtividade e a eficiência energética. O cuidado e a atenção compensam o caminho. As nossas unidades de manutenção da série MS oferecem soluções adequadas, incluindo através da combinação de tamanhos.

  • O dimensionamento adequado da preparação do ar comprimido é importante, até com as unidades de manutenção. Verifique se os filtros são utilizados devidamente, uma vez que cada etapa de filtração reduz o fluxo e aumenta a queda de pressão.
  • Na preparação do ar comprimido, a manutenção regular e a seleção correta da qualidade do ar comprimido podem poupar até 20% de energia. A substituição dos elementos filtrantes das unidades de manutenção no momento oportuno evita a produção de resistências desnecessárias no fluxo.
  • É aconselhável o uso de conectores com resistência de fluxo mínima no sistema de tubulações. As linhas de alimentação dos sistemas e das válvulas ou dos terminais de válvula devem ser grandes o suficiente para prevenir a perda de pressão.
  • Use o distribuidor múltiplo, em vez de introduzir derivações em T uma após a outra. Isto reduz a queda de pressão.

Poderá saber mais sobre a seleção da unidade de manutenção combinada ótima no nosso Livro branco Preparação do ar comprimido em sistemas pneumáticos (PDF)" "

Redução dos comprimentos dos tubos flexíveis

Ícone Redução dos comprimentos dos tubos flexíveis

Muitos dos tubos flexíveis entre as válvulas e os atuadores são demasiado compridos e aumentam o consumo de ar comprimido devido ao denominado volume morto. Este ar improdutivo também afeta negativamente o tempo de ciclo do sistema. Frequentemente, o volume morto nos tubos flexíveis representa, em especial com os atuadores ou pinças de pequeno volume, uma proporção elevada do consumo total.

  • Assegure-se de que os comprimentos dos tubos flexíveis são os menores possíveis e que a extensão dos tubos é ótima. Recomendamos, sobretudo, o posicionamento descentralizado dos terminais de válvulas.
  • Para encurtar os tubos flexíveis, utilize uma ferramenta adequada como o cortador de tubos ZRSpara assegurar que as conexões são estanques e as fugas são evitadas.

Reduzir as fugas

Ícone Reduzir as fugas

Tenha sempre em atenção que as fugas não detetadas provocam custos desnecessários de energia a todo o momento. Por experiência, sabemos que a taxa de fugas nos sistemas existentes pode ser reduzida até 20%. Por isso, é importante verificar periodicamente o sistema de ar comprimido, incluindo a localização de fugas.

  • Com os nossos Energy Saving Servicesoferecemos-lhe uma deteção rápida e fiável das fugas do seu sistema, e damos fim às perdas de ar comprimido.
  • A humidade, a sujidade e o óleo afetam negativamente as juntas e a lubrificação inicial dos componentes. Por isso, recomendamos a preparação de ar comprimido descentralizada diretamente no sistema.
  • Selecione os materiais dos tubos flexíveis de acordo com o ambiente. Desta forma, evitará danos químicos, físicos e microbianos e, assim, fugas.
  • Os conectores com anéis de junta modernos e com função de apoio oferecem uma ligação estanque e reutilizável.

Poderá encontrar um maior potencial de poupança de energia nos sistemas de ar comprimido no nosso Livro branco "Redução de até 60% nos custos energéticos dos sistemas de ar comprimido (PDF)"

Controlar permanentemente o ar comprimido

Ícone Controlar o ar comprimido

Instale um sistema de controlo permanente de energia e supervisione o consumo de ar comprimido. Em princípio, todas as fontes de energia devem ser supervisionadas através de sensores; concretamente, na pneumática através de sensores de fluxo.

  • A partir da medição do fluxo, poderá reconhecer de forma rápida e fácil os desvios do estado ideal provocados, p. ex., por fugas ou perdas de pressão. Com esta informação, poderá executar as medidas adequadas para poupar energia.
  • A supervisão permanente permite conhecer instantaneamente o consumo de ar comprimido. Frequentemente, um fluxo demasiado elevado é indicador de uma potencial poupança.
  • Monitorize o consumo de ar para poder executar medidas adequadas em caso de ocorrerem desvios. A monitorização contínua do ar comprimido permite contar com uma segurança permanente.
  • Confie na Predictive Energy Management. Graças à inteligência artificial, é possível calcular antecipadamente como o estado dos seus sistemas mudará. Para isso, usamos o nosso software Festo Automation Experience (Festo AX).

Deseja conhecê-lo detalhadamente? Em 144 páginas, oferecemos-lhe uma coleção estruturada do Dicas e truques para poupar energia na pneumática (PDF) para download.
Tanto as soluções de aplicação básicas como as avançadas, ajudá-lo-ão a utilizar os seus componentes de ar comprimido de forma ideal e a manter o seu consumo energético baixo.

Confie nos especialistas e na tecnologia eficiente da Festo para que as suas máquinas e instalações consumam menos recursos e energia. Desta forma, não reduzirá apenas as emissões de CO2mas também os seus custos operativos. Ao mesmo tempo, aumente a sustentabilidade da sua produção e a produtividade da sua empresa. Poderá ficar a par dos nossos conhecimentos, da nossa experiência e dos nossos produtos no manual Eficiência energética@Festo (PDF).