SupraMotion

Supercondutores em automatização industrial

Os supercondutores têm grande potencial para o uso na indústria do futuro. Estes permitem armazenar e mover objetos sem contacto, com baixo consumo de energia e sem nenhuma engenharia de controlo para o armazenamento. Trabalham sem fazer pó e sem desgaste é ideal para transportar objetos suspensos no ar em ambientes muito limpos. Também é possível manusear ao longo de paredes.

O que são supercondutores?

Supercondutores são materiais com características magnéticas únicas: quando arrefecidos abaixo de uma determinada temperatura, eles conseguem fixar o campo de um íman permanente ao seu interior. Daqui resulta um acoplamento forte mas invisível. Este mantém o íman e o supercondutor a uma distância definida, inclusivamente através de paredes, em líquidos ou em vácuo. Enquanto o supercondutor se mantiver abaixo da chamada temperatura de transição, a sua memória magnética guarda a impressão digital do íman e, consequentemente, a respetiva posição, mesmo que os dois sejam separados.

A levitação supercondutora permite uma tecnologia de alto nível

A forma de levitação supercondutora sem contacto e sem fricção oferece uma solução elegante e prática para alguns dos problemas mais complexos nas indústrias de alta tecnologia: desde a tecnologia dos semicondutores, das baterias e da biotecnologia, até às indústrias farmacêutica, alimentar e médica, bem como na automação de laboratórios. Reduzir os contaminantes de todo o tipo para um mínimo absoluto contribuirá para preparar o caminho para as tecnologias e produtos de ponta necessários para um futuro limpo, saudável e sustentável.

Inúmeras aplicações e conceitos de deslocamento

Já existem diferentes tecnologias para mover objetos mediante levitação. No entanto, com os supercondutores é possível criar processos completamente novos. Os módulos de automação com supercondutores podem ser implementados com uma grande variedade de atuadores ativos. Isto permite-lhes realizar sem contacto os processos de movimento, as formas de suporte e os manuseios mais incomuns. Com o conceito mais inovador do SupraMotion, o SupraCube, é possível trabalhar de forma autónoma até duas horas graças à capacidade de separar a unidade supercondutora do refrigerador elétrico.

Na animação, mostramos-lhe como diferentes aplicações poderiam ser com tecnologia de supercondutores:

  • Transporte e processamento de wafers em condições de sala limpa
  • A extração de tampas e o enchimento de recipientes para líquidos delicados, que sejam posteriormente congelados
  • Pipetagem automatizada e pesagem sem contacto nas condições laboratoriais mais exigentes

Refrigeração elétrica com uma longa vida útil

Com SupraMotion, apostamos em supercondutores de alta temperatura feitos de material cerâmico, que são arrefecidos a -210 °C. Os refrigeradores utilizados atualmente têm um consumo de energia máximo de 40 W por criostato (tanque de refrigeração). Daqui resultam custos de funcionamento comparativamente baixos. O efeito de levitação em si mesmo não requer energia nem tecnologia de controlo.

Graças à elevada capacidade térmica, o funcionamento está garantido durante muitos minutos, mesmo em caso de falha de energia. A vida útil dos refrigeradores supera atualmente os dez anos.

Procura de clientes-piloto e aplicações concretas

O uso de supercondutores no campo da automação industrial ainda se encontra em fase de desenvolvimento. Mas já hoje são concebíveis processos completamente novos e eficientes com esta tecnologia.

Por isso, estamos a analisar com os nossos parceiros e clientes ideias de aplicação que possam ser implementadas em projetos-piloto. Dê também o próximo passo e acompanhe, connosco, a tecnologia de supercondutores na utilização industrial!